5 músicas para curtir o dia do beijo

Hoje é dia 13 de abril. Sabe o que comemoramos hoje? O dia do beijo! Não sabia? Pois é. Ninguém sabe desde quando a data é comemorada, mas o que importa é que possamos espalhar beijos por ai, não só hoje mas sempre. E como aquela que é viciada em música, para celebrar, separei cinco hits que falam de… beijos!

1 – Beija Eu, Marisa Monte

Clássico, não poderia faltar. Quando pensamos em músicas que falam de beijos, impossível não lembrar dessa música da Marisa Monte. Ah, a minha musa Sandy recentemente regravou a canção

2- Kiss me, Sixpence None the Richer

Uma das minhas músicas preferidas da vida, esse hit do final dos anos 90, embalou muitas cenas românticas.. e de beijo, claro!

3 – I Kissed a Girl, Katy Perry

Confesso: tenho maior bode pela KP. Sim, me julguem. Mas é impossível não lembrar dessa música dela, lá de 2008. O hit conta a história de uma menina que em uma balada beija outra menina e no final gosta disso. Implicâncias a parte, é ótima para sair dançando por ai.

4- Last Kiss, Pearl Jam

Essa música é uma delicia de ouvir. Com uma pegada meio rock, meio anos 60, esse hit dos anos 2000, é um dos únicos da banda que curto. Vale a pena!

5- Just a Kiss, Lady Antebellum

Conheci essa música com Hart Of Dixie, uma das séries mais fofas que já vi. A banda, já tinha vindo com o outro hit “Need you know”, mas não me encantou como esse

Anúncios

Motivos para virar fã da Meghan Trainor

Quem nunca ouviu falar da cantora pop Meghan Trainor? Ela é a que canta hit “All about the bass” que certamente bombou muito nas playlists e nas rádios desde o fim do ano passado, tanto que durante o verão não parava de ouvir e dançar essa música.

Bom, essa semana resolvi ouvir e conhecer mais o trabalho da americana em um dia de trabalho. E quer saber? Me apaixonei! Vou listar os cinco motivos que você deve a partir de hoje reservar um cantinho no seu coração para Meghan!

Ela não liga para os padrões da sociedade

all-about-that-bass

Com “All about that bass”, Meghan dá um tapa na cara da sociedade que insiste em dizer que nós mulheres temos que ser magras, anoréxicas e com corpo de modelos para ser alguma coisa na vida: bem sucedida na vida, conquistar um cara legal, ser feliz. E caso não goste, parta para outra. No trecho:  É, minha mãe me disse “não se preocupe com seu peso”/ Ela diz “meninos gostam de ter o que apertar à noite”/ Você sabe que não vou ser uma vara pau, Barbie siliconada/Então, se é isso que você prefere/Saia daqui e parta para outra”  ela fala de novo: tem que gostar de mim assim, do jeito que sou. Portanto, meninas… Sem piração!

Trouxe de volta o estilo ‘Lady Like’

dPara quem não conhece o chamado “Lady Like”, é aquele que dá um visual bem vintage com roupas que foi usado por nossas avós e mães nos anos 50 e 60. Muito vestido com cintura marcada, saia rodada e cores bem menininhas: abuso do rosa, lilás, verde água e azul bebê. Laços na cabeça também estão liberados. Tudo muito fofo SIM!

Seu próximo hit tem tudo para bombar

“Dear future husband”, seu novo hit é sobre um recado que ela dá ao seu futuro marido. E o clipe, lançado no dia 16, tem um ar bem retrô. Pensa que é música de fossa? Jamais! Dá vontade de colocar alto no carro e sair cantando bem alto! Ouça!

Ela é compositora e faz covers mara!

Com apenas 21 anos, Meghan também compõe músicas de sucesso. (‘All about the bass’ é um desses!) e faz covers de deixar qualquer um ba-ban-do. Olha esse de Stay with me do Sam Smith.

Só tem música boa!

Além de “All about the bass” e “Dear future husband”, Meghan também tem outras músicas fofas como “Close your eyes” e “Lips are moving” que valem a pena conhecer!

[Tá na lista!]: Estreias de 2015

Todo começo de ano é a mesma coisa: queremos novidades. Sabia que esse ano promete no cinema? Teremos desde estreias bem aguardadas (Cinquenta Tons de Cinza) até continuações (Exterminador do Futuro) nesse ano. Eu, que não sou boba nem nada, separei os cinco filmes que quero ver e conto aqui para vocês. Vamos ler?

Cinquenta Tons de Cinza

Talvez esse seja o filme mais aguardado de 2015. Baseado no livro de mesmo nome, da autora E.L. James, o longa conta a história de Anastacia Stell, interpretada pela Dakota Johnson, uma estudante de literatura recatada de 21 anos que se envolve com o empresário Christian Grey (Jamie Dornan). Ana conhece, então, um novo mundo: sadomasoquismo. Eu li dois livros da trilogia e parei por motivos de achar a história cansativa e muito mal escrita. Ainda não decidi se vejo ou não ele no cinema. Tem estreia prevista para 12 de fevereiro.

Simplesmente Acontece

O longa é baseado no livro da Cecília Ahern, cuja resenha já escrevi aqui e é um dos livros mais lindos que li ultimamente. Bom, o filme estreia na telona no dia 22 de janeiro e conta a história de dois amigos, Rosie e Alex, interpretados respectivamente por Lily Collins e Sam Claflin. Eles são melhores amigos desde que se entendem por gente. A vida trata de separar os dois fisicamente, mas isso não impede que eles mantenham o contato. Se o filme me emocionar metade do que aconteceu com o livro, acho bom levar o lencinho para enxugar as lágrimas.

O exterminador do futuro: Gênesis

No curto muito filmes do gênero ‘tiro, porrada e bomba’, mas para Exterminador do Futuro, eu abro uma exceção. Quarto filme da franquia, chega aos cinemas seis anos depois do último longa (Terminator Salvation) no segundo semestre de 2015, traz o já conhecido Arnold Schwarzenegger na pele de um andróide que deseja exterminar os humanos. Pode preparar a pipoca, pois o longa promete!

Cinderela

A moda agora é transformar os contos infantis e as histórias de princesas em filme destinado para adultos. Já tivemos “Malévola” (2014) e “Branca de Neve e o Caçador” (2012). A da vez é a da Cinderela, a princesa que perde seu sapatinho de cristal e é atormentada pelas suas madrastas e suas irmãs. Estrelado pelas atrizes Lily James no papel da protagonista e Cate Blanchett no papel da madrasta. Tem estreia prevista para 2 de abril! Não vejo a hora!

Minions

Antes de Gru, o vilão mais fofo e amado dos últimos tempos e antes de Margo, Edith e Agnes, as irmãs mais fofas e engraçadas, como viviam os Minions, criaturas amarelas e que queremos apertar sempre e levar pra casa? Bom, eles já serviam aos vilões. Depressivos por causa da perda do seu último mestre, os Minions tentam encontrar algum malvado para servir e vão até uma convenção de vilões. Lá conhecem e se encantam por Scarlet Overkill (voz da Sandra Bullock), a primeira mulher que tem a intenção de dominar o mundo. Chega nas telonas em junho.