Rio, eu gosto de você!

Hoje, no dia 1° de março, a cidade do Rio de Janeiro comemora seus 450 anos. E, para mim, não existe melhor lugar para morar do que a chamada Cidade Maravilhosa, mesmo com todos os nossos problemas. Por exemplo, no verão – e em todas as estações também –  existem alguns lugares bem especiais para curtir e eu já falei deles por aqui. Mas não é só por isso que torna o Rio de Janeiro uma cidade encantadora. Quer ver só?

 Yes, nós temos praia! E de todos os jeitos

10995272_864776690235910_550049285_n

Praia do Recreio – dia de semana, praia particular. 😍

Tudo bem, não é só no Rio de Janeiro que existe praia, eu sei disso. Outras cidades também possuem, mas mesmo assim aqui podemos encontrar desde as mais cheias e famosas como Copacabana e Ipanema – conhecidas no mundo todo – até praias que em dia de semana são tão desertas que podem ser consideradas particulares, como no Recreio dos Bandeirantes (a minha preferida, diga-se de passagem!). E, não só isso: nós temos a melhor dupla de todos os tempos: biscoito O Globo e Mate com Limão!

O nosso Carnaval é o melhor

0000001 00001

Foi mal, Salvador. Foi mal, Ouro Preto. Mas acho que sim nosso Carnaval um dos melhores e mais bem feitos no mundo. Por aqui, tem para todos os gostos e gastos: tá sem dinheiro, pode se jogar nos milhares de blocos gratuitos (sem esse lance de corda, pipoca e abadá) – e que tocam desde as típicas marchinhas até blocos temáticos como “Chora, Me liga” (sertanejo), “Favorita” (funk) e “Sargento Pimenta” (Beatles). E se tem uma grana sobrando e curte, pode aproveitar a data na Sapucaí durante esses quatro dias em um dos melhores espetáculos da Terra.

O ano novo aqui é o maior do mundo:

copacabana-2

Em Copacabana, bairro da zona sul carioca, ocorre todo dia 31 de dezembro o maior Réveillon do mundo: nada mais, nada menos que aproximadamente 2 milhões de pessoas vão curtir a virada de ano na chamada princesinha do mar. Tá bom para você?

Cariocas são bonitos, bacanas … e receptivos!

Desculpa, galera de outros estados, mas uma coisa a maioria tem que concordar: nós, cariocas somos bem simpáticos e receptivos principalmente com turistas. Pra tudo e todos damos papo, puxamos conversa e fazemos amizade eterna com uma facilidade incrível! Não se espante ao conhecer um carioca e ele te cumprimentar com dois beijos no rosto e um abraço caloroso!

Short e havaiana são nossos uniformes

 Havaianas-1

Informalidade é nosso sobrenome. Não se assuste ao ver um morador do Rio de short e havaiana em um shopping, por exemplo. Ou até no barzinho com amigos. Não torça o nariz quando der de cara com alguém vestido dessa forma no aniversário do seu amigo. Isso não é questão de desleixo não, meus caros. Além de sermos bem irreverentes no modo de nos vestir, o calor é tanto que é a melhor pedida mesmo.

Nosso sotaque é o mais legal.

Dizem que falamos chiando.. e eu acho um absurdo comentarem isso só porque na nossa boca biscoito sai como bixxxxcoito, esquenta vira ixxxquenta e espelho para nós, cariocas é como se fosse ixpelho. Podem confessar, nosso sotaque é o mais lindo do mundo!!

A nossa vista é uma das mais lindas

 10173815_10152313343503901_1886861345220724701_n 10428717_10152849677658901_5711697820738480945_n

Desculpa, São Paulo e sua selva de pedra e prédios para tudo que é lado. Mas é impossível ficar de mau humor quando do alto de um prédio, passeando no terraço de um shopping ou indo para o trabalho, você pode dar aquela espiadinha esperta seja no Cristo Redentor, Pão de Açúcar ou em alguma praia, dependendo do lugar que você se encontra, claro. Não importa o horário, a vista é sempre ma-ra-vi-lho-sa!

1939620_10152213199983901_870617551_n 1545901_10152117432193901_2025545205_n

fotos: arquivo pessoal e Google.
Anúncios

[Especial Verão]: Points do Rio de Janeiro

“Rio, 40 graus. Purgatório da beleza e do caos”. 

Se tem uma coisa que eu me orgulho é de morar na considerada cidade maravilhosa. E como o verão finalmente chega hoje, a melhor coisa é aproveitar os points do Rio para curtir a estação mais gostosa do ano, que os dias terminam mais tarde. Separei alguns lugares que eu curto muito. E o que é melhor: a maioria bem baratinho ou quase de graça. Vamos lá?

  • Jardim Botânico

Locação preferida de 9 entre 10 casais para seu book de casamento ou para grávidas. Mas o lugar é lindo e escolhido com razão. Criado em 1808, depois da vinda da família Real pro Brasil, o Jardim Botânico é bom para fazer piquenique (caso não me engane, tem uma área exclusiva), passear com amigos e levar a criançada para andar de bicicleta. Dentro do JB, tem uma lanchonete, caso não queira levar lanches. Fui em um sábado de verão, numa tardezinha bem legal para passear. Dica: para quem gosta de tirar fotos, o lugar rende ótimos cliques!

 Sem título-1

O ingresso custa R$ 7 (crianças até  7 anos e adultos depois dos 60 não pagam) e o horário de funcionamento é de 12hrs até 17hrs as segundas e nos outros dias ele abre as 08hrs e fecha as 17 hrs.

Pra saber mais informações, clique aqui.

  • Praia do Recreio

Sem título-3

Esquece Copacabana, a princesinha do mar. Esquece Leblon, praia preferida da Helena e do Maneco. Praia boa pra mim é a Praia do Recreio, na Zona Oeste do Rio.  Calma, tranquila, sem quase nada de turista. O visual? Incrível! Bom para ir com amigos no fim de tarde para jogar conversa fora. E se quiser algo ainda mais tranquilo você pode escolher entre a praia da Reserva ou a Prainha, que só podem chegar lá de carro.  Ou seja, filtra ainda mais os frequentadores. Tem restaurante, mercado e padaria tudo por perto, fora os quiosques que ficam na calçada a disposição de todo mundo.

 

  • Pão de Açúcar/Morro da Urca

Sem título-2

Um dos melhores visuais do Rio de Janeiro. Sério. Aquele momento que você agradece por morar aqui. Tem dois modos: pelo bondinho ou pela trilha. Pelo bondinho você paga um preço bem salgadinho (R$ 62). E pela trilha, bom, pela trilha é de graça. Ela é aberta entre 7 e 18 hrs. Demora mais ou menos 1 hora, tem um pouco mais de 1 km de extensão e tem nível médio. Eu fiz no último verão e foi bem legal. Vale suuuper a pena no fim, no visual. E ah, calma! Subiu e tá com preguiça de descer? Depois das sete, para quem fez a trilha, a descida pelo bondinho é de graça. Ou seja: vá!

Quer saber mais detalhes da trilha? Clica aqui que você descobre. Ou quer saber como faz pra ver esse visual pelo bondinho? O site é esse.

  • Mureta da Urca

Sem título-4
Amor incondicional pela Mureta da Urca. Recentemente, em conversa com duas amigas uma falou: “mas qual a graça da Mureta, gente? É um muro, com um bar lotado que as pessoas ficam bebendo. E só”. Concordo. Mas o visual é incrível, o clima é incrível. Bom, sou suspeita para falar, já que a Urca é meu bairro preferido desde sempre. O esquema é o seguinte. Saiu do passeio ou do almoço em família mas ainda é cedo pra cair na night? Vá pra lá curtir o pôr-do-sol, encontrar os amigos e beber ou só colocar o assunto em dia. Fui num pós Jardim Botânico  no começo do ano e adorei, fiquei até as 21.

*fotos: acervo pessoal, acervo das amigas e Google*